Qual a origem dos Primeiros Sistemas de Comunicação?

Você sabe qual é a origem dos primeiros sistemas de comunicação? Com o mundo cada vez mais globalizado e com a informação chegando mais rápido até nós, se faz necessário voltar no tempo e descobrir como os sistemas de comunicação se organizaram.

Neste post, você vai descobrir como a comunicação funciona, onde ela começou, bem como quais são os tipos mais tradicionais de comunicação e os mais atuais. Confira o que descobrimos!

Quais são os Primeiros Sistemas de Comunicação?

Voltando no tempo, as primeiras formas de se comunicar foram através dos sons, gestos e sinais. Mas não se sabe bem como estes eram empregados, uma vez que não há registros históricos das interações no período.

Quais são os Primeiros Sistemas de Comunicação?
Fonte/Reprodução: original.

A escrita passa a integrar os primeiros sistemas de comunicação quando são feitos desenhos nas cavernas, também chamados de pinturas rupestres. A escrita acontece em África em 15.000 a.C., e a partir dessa data, evidência de outras escritas começam a ser descobertas ao redor do mundo.

Qual a origem dos Primeiros Sistemas de Comunicação?

A origem dos primeiros sinais de comunicação acontecem quando há a necessidade de transmitir uma informação aos demais, e isso em um primeiro momento se deu através dos sinais, gestos e sons.

A escrita chega mais tarde, sendo descoberta em África em 15.000 a.C. através de pinturas rupestres — que são as representações artísticas feitas nas cavernas, rochas e outros abrigos, que podem ser vistas até hoje.

Qual a história e a origem dos Primeiros Sistemas de Comunicação?

Acredita-se que a origem dos Primeiros Sistemas de Comunicação se deu na antiguidade, estima-se que o homem das cavernas se comunicava por grunhidos, gestos e gritos e, com o passar do tempo, essa forma de estabelecer contato foi se aperfeiçoando. Isso gerou uma maneira primitiva de se comunicar com os demais membros de uma mesma tribo e de grupos diferentes. Dessa forma, a comunicação começa a se estabelecer por sons, sinais, gestos e posteriormente da escrita.

Vale lembrar que uma das civilizações mais antigas do universo, o povo sumério, contribuiu positivamente para o desenvolvimento da comunicação através da escrita cuneiforme — um tipo de escrita com um objeto chamado cunha, que logo se espalhou pelos outros povos, popularizando a escrita e o desenvolvimento da comunicação.

A história segue com o desenvolvimento da comunicação através da criação de uma cultura, passada de geração em geração, para que pudéssemos ter tradições e crenças perpetuadas através de nossa comunicação.

Esse desenvolvimento aconteceu por muitos e muitos anos até chegar ao exato momento em que estamos hoje — com uma comunicação quase instantânea através de ferramentas desenvolvidas pela tecnologia, que além de facilitar a forma de trocar informação a torna muito mais rápida.

Logo que a escrita foi descoberta e considerada como mais um meio de comunicação, novas formas de transmitir a comunicação foram realizadas através dos papiros egípcios e os pergaminhos que mais tarde deram origem aos livros, por conta do surgimento da prensa no século XIV.

Como os Primeiros Sistemas de Comunicação funcionam?

Os sistemas de comunicação foram se transformando ao longo da história, passando pelos gestos, sinais e grunhidos dos homens das cavernas, e pinturas rupestres, cujo funcionamento não temos muitos dados para determinar.

Ao chegar no correio, que é considerado o meio de trocar informação mais antigo, existente desde o tempo do Egito antigo, os egípcios tinham o hábito de trocar cartas utilizando aves para levar essas cartas até outras pessoas. Mais tarde (e até hoje) o correio passou a ser veiculado por pessoas.

Os sistemas de comunicação foram se transformando ao longo da história, passando pelos gestos, sinais e grunhidos dos homens das cavernas, e pinturas rupestres, cujo funcionamento não temos muitos dados para determinar.
Fonte/Reprodução: original.

Com a chegada da eletricidade, foi a vez do telégrafo potencializar a forma de comunicação, fazendo parte da origem dos primeiros sistemas de comunicação, uma vez que o equipamento funcionava pela ligação de fios e eletroímãs. Através de impulsos magnéticos o aparelho conseguia enviar as mensagens a distâncias ainda maiores, o que foi uma inovação na comunicação para a época, usada principalmente pelos governos para transmitir mensagens através do Código Morse.

Com a chegada do século XX, o rádio e o telefone passaram a ser os meios de comunicação de maior expressividade, isso porque o rádio além de transmitir informação aos demais também era uma forma de entretenimento através das radionovelas e das músicas, o que revelou grandes nomes da conhecida era de ouro do rádio.

O telefone, também conhecido como evolução do telégrafo, também foi importante na origem dos primeiros sistemas de comunicação. Afinal, ele inovou ao trazer a comunicação feita através de fios que conseguiam levar a mensagem a longas distâncias, ganhando cada vez mais espaço entre os meios de comunicação e sendo utilizado até hoje de maneira sem fio, digital e com ampla cobertura.

Quais os tipos?

A comunicação pode ser dividida em dois tipos: de maneira individual, quando uma mensagem é repassada entre as pessoas por meio de telefone, cartas, e mensagens. Ou por massa, e dessa forma a informação é compartilhada com mais pessoas, a exemplo dos jornais, da internet, televisão e o próprio rádio.

Conhecer a origem dos primeiros sistemas de comunicação nos faz entender como os meios de comunicação se transformaram ao longo da história, sendo uma importante ferramenta de troca de informação tão importante em nossa sociedade.

Deixe um comentário