Qual a origem do milho e da sua história milenar?

Conheça a origem do milho e a sua história milenas aqui no Origem das coisas. Para saber mais do surgimento do milho leia aqui!

A origem do milho possui uma história fascinante, porém, é um alimento que não teve o seu devido prestígio como arroz e o feijão. Há produtos feitos à base de milho, mas em comparação com a alimentação dos animais, os humanos ficam para trás.

Qual a origem do milho?

Há registros de que os primeiros cultivos tenham ocorrido próximo ao litoral do México, e posteriormente chegou no país com força. Por intermédio dessas informações, é possível compreender que a origem do milho tenha ocorrido há pelo menos 7.300 anos.

Qual a origem do milho
Fonte/Reprodução: original

O milho se tornou um produto recorrente dos país da América Central, por conter um clima perfeito para cultivá-lo. Um dos países que o cultiva frequentemente é o Panamá, e é encontrado na América do Sul.

Os grânulos de milhos foram achados no Peru há 4 mil anos. Significa que 40 séculos atrás, o grão era fortemente cultivado no país. Esta região fica bem ao sul da América, porém possui clima propício para fácil cultivo.

A origem do milho no Brasil

Os indígenas cultivavam o milho no Brasil bem antes dos portugueses atracarem em litoral brasileiro. Neste caso, o milho fazia parte da dieta dos índios por ser rico em nutrientes que davam força ao organismo.

Após os portugueses chegarem ao Brasil, o consumo de milho aumentou rapidamente por ser saboroso. Ele começou a fazer parte dos costumes alimentícios de toda uma população daquela época. Há 500 anos, o milho se espalha pelo país por seu sabor específico e único, e facilidade em preparação.

Outra informação com relação à origem do milho no Brasil, é que escravos africanos o consumiam juntamente de mandioca. Estes alimentos eram responsáveis por trazer sustância a eles.

Importância do milho na vida das pessoas

Desde a origem do milho, este se tornou uma das culturas de cultivação por famílias brasileiras, por conta do sustento e vendas. Este é um dos métodos que diversas pessoas encontram no Brasil para se manterem.

Importância do milho na vida das pessoas
Fonte/Reprodução: original

Por mais que no Brasil exista a sensação de que boa parte do milho é consumido pela população, somente 5% é direcionada ao consumo. Isto porque há falta da disseminação de informações acerca das qualidades do alimento.

No Brasil, o milho possui 84% de utilização para alimentação da avicultura e suinocultura. Cerca de 11% é direcionado à indústria realizar suas produções, e não fica apenas em alimentos.

Importância socioeconômica do milho

No setor socioeconômico, desde a origem do milho ele é utilizado na alimentação dos animais, e em indústrias tecnológicas. É comum observar que os percentuais do grão sejam ínfimos se comparados com os de animais, por exemplo.

Um fator curioso, é com relação à produção dos cereais feitos com milho. O crescimento ao longo dos anos, e se tornou uma das principais aplicações dos setores industriais.

A origem do milho, proporciona um crescimento para a produção de aves e porcos tanto no Brasil quanto ao redor do mundo. É comum observar que seu aumento acompanha o acréscimo de ambos animais.

Isto ocorre por o milho fazer parte da ração tanto dos porcos quanto de aves como galinhas. É possível vê-los como um subproduto do milho, por conta de sua extrema importância alimentícia.

Conhecer a origem do milho, proporciona um conhecimento extra, interessante e agregará ao saber. Estes são fatos que costumam passar despercebido, principalmente com relação ao direcionamento que este grão possui. É curioso que os humanos o consumam em poucas quantidades.

4 comentários em “Qual a origem do milho e da sua história milenar?”

Deixe um comentário