Saiba qual a origem da mandioca e da sua lenda

Conheça a origem da mandioca e da sua lenda aqui na Origem das coisas. Para entender mais sobre o surgimento da Mandioca leia aqui!

Você já parou para saber sobre a origem da mandioca? Todos nós sabemos que ela é um ingrediente muito popular no Brasil, e a partir dela dá para fazer diversos alimentos, como farinha, mandioca frita ou assada, pão de queijo, biscoitos, entre outros.

Qual a origem da mandioca?

A origem da mandioca ainda gera dúvidas, pois alguns acreditam que ela teria se originado nas Américas Central e do Sul, já outros acham que ela surgiu no cerrado brasileiro, e logo depois chegou na Amazônia.

Qual a origem da mandioca
Fonte/Reprodução: original

Tem muitos pesquisadores que creem que a mandioca veio das tribos Tupis, mas ainda sim, essa versão pode não ser verídica. Como o nome Mani veio dos grupos indígenas Aruak, que também cultivava a mandioca, é possível chegar a imaginar que na verdade foram eles que ensinaram aos Tupis a cultivarem essa planta.

A mandioca é considerada um produto brasileiro, já que ter sua origem no Brasil é o mais provável, e é super importante para a alimentação e cultura brasileira. Faz parte do grupo dos principais alimentos na alimentação brasileira, junto com o milho, a cana-de-açúcar e o arroz, fazendo parte da rotina alimentar de 1 bilhão de pessoas no mundo inteiro.

A origem da lenda da mandioca

A lenda mais conhecida sobre a origem da mandioca é a sobre Mani, que era uma indiazinha, neta de um cacique muito importante de uma antiga tribo. Desde que nasceu era muito esperta, mas enquanto dormia acabou falecendo, sem adoecer e sem sofrimento. Como era tradição da tribo, Mani foi enterrada dentro de sua própria oca, onde morava, e diariamente os índios da tribo iam em sua sepultura para chorar sua perda, até que um dia nasceu no lugar que Mani estava enterrada uma planta que ninguém conhecia.

Então os índios cavaram e tiraram a planta para examinar sua raiz para tentar descobrir qual era, e logo viram que ela tinha como característica ser marrom por fora e branca na parte de dentro. Logo eles cozinharam, e quando provaram, chegaram à conclusão que seria um presente do Deus Tupã, dado por ele para alimentar a tribo.

A origem da lenda da mandioca
Fonte/Reprodução: original

Sendo assim os índios resolveram dar o nome à raiz da planta de Mani, e logo ligaram o fato de ter nascido em uma oca, colocando o nome de Manioca, até que chegou ao nome que conhecemos hoje, Mandioca.
Variações de nomes da mandioca no Brasil e curiosidades

Em todo o Brasil, a mandioca recebeu vários nomes, cada região do país tem uma variação, como por exemplo macaxeira, macamba, aipim, castelinha, maniva, maniveira, uaipi… é uma planta de raiz tuberosa, da cultura arbustiva, e faz parte da família das Euforbiáceas.

A mandioca já era cultivada pelos índios antes dos portugueses chegarem no Brasil, e sua raiz é rica em fécula, que é um carboidrato utilizado na alimentação humana e animal, além de ser matéria-prima para muitas indústrias.

O Brasil possui uma produção de 23 milhões de toneladas de mandioca, se tornando um dos maiores e principais produtores. Além disso, a mandioca é um dos principais ingredientes da culinária brasileira, cada região com seus pratos típicos, feitos com essa raíz. Alguns exemplos são: Pato no tucupi, Tutu de feijão, beiju, tacacá, tapioca, bolo de carimã, farofa d’água, pirão de peixe, etc;

Benefícios da mandioca na alimentação

A mandioca tem muitos benefícios para a nossa saúde, pois é um alimento rico em carboidrato, que oferece muita energia ao nosso corpo, além de ser fonte de Ferro, Cálcio, Fósforo e vitaminas que fazem parte do complexo B. As que têm polpa amarela possuem bons teores de caroteno, pigmentos orgânicos essenciais para o nosso organismo, e que se transformam em vitamina A ou retinol pelo organismo, sendo muito importante para a pele, visão e mucosas.

Agora uma pergunta que não quer calar, na sua região, qual nome que dão a mandioca?

4 comentários em “Saiba qual a origem da mandioca e da sua lenda”

Deixe um comentário